Reajuste linear assegura para maioria dos servidores de Ourinhos aumento real

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais e Autárquicos de Ourinhos e Região cumpriu mais uma vez o seu papel de lutar pelos direitos e benefícios da categoria. O resultado da campanha salarial de 2019 no município de Ourinhos resultou em importantes avanços que refletem principalmente no bolso do funcionalismo público.

A campanha salarial em Ourinhos se encerrou na noite de quarta-feira, 20, após a maioria dos servidores municipais aprovar, em assembleia realizada na sede do Sindicato, a contraproposta do Poder Executivo de Ourinhos.

Os avanços conquistados este ano, além de integrar a luta do Sindicato em defesa do servidor, foi facilitado devido a boa vontade política do prefeito de Ourinhos, Lucas Pocay, que demonstrou sensibilidade em valorizar o funcionalismo público.

Com relação à correção salarial, o Poder Executivo irá conceder na forma de um reajuste linear para todos os servidores da administração, autárquica ativos e inativos no município, no valor de R$ 160,00 garantindo a não distorção da tabela do magistério.

Para se ter uma ideia, a inflação no período fechou em 3,94%. Ao conceder esse reajuste linear, a maioria dos servidores municipais terá um aumento nos seus vencimentos de mais 10%.

Antigas reivindicações do Sindicato que beneficiam diretamente o funcionalismo público foram atendidas na campanha salarial deste ano. Entre as propostas que são de interesse da categoria e defendidas há um bom tempo pelo Sindicato nas campanhas salariais é com relação à sexta parte. Após anos de negociação, a atual gestão municipal decidiu atender o pleito da entidade e adequar a sexta parte para 20 anos. O compromisso é que esse benefício comece a vigorar já a partir do dia 1º de janeiro de 2020.

Outro avanço extremamente importante na campanha salarial deste ano é na área da saúde. O Poder Executivo atendeu um dos itens da pauta de negociação do Sindicato e irá oferecer um subsidio a título de auxílio saúde para todos os servidores ativos, inativos e autárquicos, a ser implantado tão logo haja adequação legislativa com expectativa de até 60 dias.

Já o auxílio alimentação terá um aumento de 5%. Com relação à Gratificação de Atividade Especial (GAE) será reajustado também com o índice de 5%

Ficou decidido em ata da contraproposta apresentada pelo Poder Executivo que a Gratificação Natalina será discutida no mês de outubro.

No tocante a licença prêmio, o projeto de lei será encaminhado juntamente com a correção dos salários, conforme compromisso assumido em reunião no dia 25 de setembro de 2018.

Já os demais itens da pauta de reivindicação e ainda outras demandas que por ventura surgirem serão discutidas em negociação permanente ao longo do ano entre Sindicato dos Servidores e Prefeitura de Ourinhos.

O presidente do Sindicato, Edinilson Ribeiro, o Biguá, disse que a contraproposta aprovada pela maioria dos servidores em assembleia contempla importantes avanços para toda categoria. “Apesar de estarmos vivendo um momento de incerteza na política nacional e com um governo propondo retirada de vários direitos trabalhistas já conquistados pelos trabalhadores, inclusive o direito a aposentadoria, avalio como muito boa a negociação com o prefeito Lucas Pocay, pois tivemos muitos avanços sejam com as cláusulas econômicas como também sociais. E reafirmamos o nosso compromisso de continuar lutando por mais conquistas para os nossos servidores, que merecem ser cada vez mais valorizados”.